Fracasso

2006/2007/2014

     A partir da percepção de que a Companhia parecia incapaz de obter quaisquer recursos externos, fosse das leis de incentivo mais alinhadas com a política, fosse das mais direcionadas ao mercado, acabamos por imaginar um espetáculo que marcasse a nossa independência, ainda que forçada, em relação ao teatro da academia do próprio umbigo, bem como do mercado cultural do marketing que agrega valor.

 

 FRACASSO é construído por cenas curtas que se interligam pelo tema e pela encenação. 

 

     Em Dois Segundos Depois Que o Pára-quedas Não Abriu vemos o personagem preocupado com as pequenas coisas da vida enquanto segue em queda livre rumo ao solo.

 

     O Grande Aquário de Deus explora a loucura patética do poder e da perda desse poder no retrato risível de um executivo de uma empresa estatal que vê seu status ruir.

 

     Recolocação Profissional trata da distorção da moralidade e da ética perante a prática econômica e social.

 

     Em Da Rússia, Com Amor, um homem aguarda no aeroporto sua noiva que está quinze horas atrasada. Em sua conversa com uma mulher que se senta ao seu lado, 

 

     A Inveja é Como o Botafogo confronta a percepção dos conceitos de felicidade e riqueza. 

 

     Lição de Cidadania trata da suposta igualdade de todos perante a sociedade. 

 

     Em O Poder do Pensamento Positivo temos uma mulher imobilizada em seu próprio conformismo enquanto espera ser atendida em uma fila do INPS. 

 

     Em O Que Fazer Em Caso de Morte, quatro recém-falecidos confrontam-se com a verdade dos seus atos.

 

     Fracassos trágicos pela certeza que poderiam ser evitados, mas também risíveis pela percepção de que os personagens e a própria sociedade caminham firmes para seu naufrágio defendendo seus motivos mesquinhos, sua ética distorcida e sua moral hipócrita.

 

     Se o sucesso é um objetivo inatingível; o fracasso está ao alcance de todos. 

Texto de Alberto Guiraldelli

Direção de Mônica Granndo

Elenco:    Alberto Guiraldelli

               Camilla Leite

               Einat Falbel

               Jaques Bento

               Marcela Grandolpho

Stand-in: Márcio Santiago

Cenografia: Fábio Jerônimo

Figurinos: Mônica Granndo

Trilha Sonora Original: Reinaldo Guiraldelli

Iluminação: Mônica Granndo

Op. de Luz e Som: Luiz Mancuso, Bru Sanchez e Ari Cegatto 

Ass. de Direção: Ari Cegatto

Ass. de Produção: Patrícia Reis

Ass. de Palco: Fernando Alcântara e Lívia Figueira

Fotos: Eduardo Chatagnier e Arthur Roessle

Programação Visual: Denise Voss

Assessoria de Imprensa: Amália Pereira

Produção: Companhia do Ator Careca

© 2014 pela COMPANHIA DO ATOR CARECA.

  • w-facebook
  • YouTube Classic