Parlour Song - Tudo está desaparecendo

2012

     No segundo semestre de 2012 estreou a nova aventura inglesa da Companhia. Parlour Song – Tudo está Desaparecendo, de Jez Butterworth é a nossa segunda produção com direção de Einat Falbel. 

 

     Nessa comédia, de gosto amargo, Ned é um especialista em demolições que passa o dia revendo os vídeos de suas melhores implosões. Atormentado por um pesadelo horrível, ele acredita que seus objetos pessoais estão desaparecendo.

 

     Joy, a esposa de Ned, observa o seu progressivo desmoronamento com um olhar de cruel ironia. Depois de 11 anos de um casamento sufocante, também ela sonha em fugir de tudo seduzindo seu vizinho Dale, que despreza a sua rede de lava-rápidos, mas que não tem coragem suficiente para abandonar o conforto de sua vida medíocre.

 

     Compacta e madura, a encenação reforça a cuidadosa construção de personagens que é uma marca da Companhia, bem como a proximidade da plateia, que aqui está praticamente dentro da casa de Ned e Joy, partilhando o que tem de patético e cruel em suas vidas.  

Texto de Jez Butterworth

Direção de Einat Falbel

Tradução de Alberto Guiraldelli

Elenco:    Alberto Guiraldelli

               Jaques Bento

               Mônica Granndo

               Marcela Grandolpho

Cenografia: Fábio Jerônimo

Figurinos: Mônica Granndo

Trilha Sonora Original: Reinaldo Guiraldelli

Iluminação: Eder Soares e Fábio Jerônimo

Op. de Luz e Som: Rachel Zichelle, Karina Zichelle e Gustavo Santos

Ass. de Direção: Lucas De Lucca

Ass. de Produção: Ari Cegatto

Fotos: Mariva Lima e Rodrigo Ruodriks

Programação Visual: Alessandro Rômio

Assessoria de Imprensa: Amália Pereira

Produção: Companhia do Ator Careca

© 2014 pela COMPANHIA DO ATOR CARECA.

  • w-facebook
  • YouTube Classic